RHMED anuncia assinatura de acordo de compra da RH Vida

 A RHMED, empresa especializada em inteligência na saúde e na segurança do trabalho, mantém firme sua estratégia de crescimento e anuncia o acordo de compra da RH Vida. A consumação da operação está sujeita ao cumprimento de determinadas condições precedentes, incluindo a aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE). Com a aquisição, a RHMED se tornará a maior empresa focada em medicina ocupacional do Brasil.

Unidade do Grupo NotreDame Intermédica, a RH Vida atua no mercado de gestão da medicina e segurança do trabalho assim como a RHMED. Possui atuação em todo território nacional, com ampla presença no Estado de São Paulo, onde está localizada sua matriz.  Um ganho importante para RHMED com essa aquisição é a ampliação de sua base de clientes e complementariedade de atuação geográfica.

“A aquisição é parte do plano estratégico da RHMED de ser a empresa consolidadora do mercado de saúde ocupacional, crescendo especialmente nessa conjuntura de transformação do setor, com a implantação do e-Social e outras medidas de compliance e profissionalização. Juntas, a RHMED e  a RH Vida formarão uma das maiores empresas de medicina ocupacional do país, cuidando de mais de 1 milhão de vidas. Ambas possuem sistemas de gestão muito semelhantes, o que facilitará o processo de integração, além da continuidade e do compromisso na prestação de um serviço especializado de alta qualidade e segurança junto aos clientes”, comemora o diretor-presidente da RHMED, Antonio Martin.

Para Martin, tão importante quanto investir no crescimento do grupo RHMED é garantir alta produtividade e protagonismo no setor de inteligência em saúde e segurança do trabalho: “No curto prazo, não há intenção de substituir a marca RH Vida. O foco da RHMED será manter a operação sem prejuízos ou rupturas. Ao longo do tempo, serão feitos estudos e implantadas ações, sempre voltadas para a melhoria da qualidade dos serviços e o aumento da nossa competitividade que se reflete na produtividade dos clientes ”, destaca Martin.

 

FONTE: MUNDO RH